Páginas

O dia em que eu cresci.


Ela era uma garota amargurada. Passava horas na frente do espelho tentando encontrar alguma parte do seu corpo que fosse admirável, falhando em todas as tentativas. Mas ela era diferente das outras, e isso era incontestável. Acabara de completar dezoito anos, porém nada mudara... até então.

Naquele momento estava ela, papel e caneta e seu coração explodindo em palavras que precisavam ser ditas, mas ela preferia escrever. Afinal, aquele pedaço de papel surrado a ouviria melhor que qualquer outra pessoa, ou coisa. Batia as unhas na mesa em um sinal de inquietação. Escrevia trechos distintos, um não tinha nenhuma ligação com os outros, mas mesmo assim diziam exatamente tudo o que ela sentia.

"Eu tenho direito de viver. Direito de me tornar mulher. Direito de querer tomar minhas próprias decisões sem precisar dos 'mais velhos' pra me auxiliar. Quero ser livre. Quero voar. Quero desatar o nó que me prende aqui...", ela escrevia com a alma e o coração, não mais com os dedos. As palavras pareciam ganhar vida, e saltavam de dentro para fora. Elas brincavam, dançavam no papel e acabavam expressando sentimentos e sensações que, por muito tempo, permaneceram adormecidos dentro da nossa garota.

Ela gritava mentalmente: "Eu não sou mais criança!!!", já havia decidido que não importa o que dissessem, as decisões que dissessem respeito à ela seriam tomadas por ela, porque nada mais importava naquele momento que sua liberdade.

E depois de um tempo com intensas discussões internas, nossa garota meio mulher se rendeu ao nó que formou em sua garganta e se afogou em um mar de lágrimas angustiosas. Foi nesse instante que finalmente admitiu pra si mesma que por mais que ela quisesse e a vida a obrigasse a crescer, seu coração seria sempre frágil e sincero como o de uma criança. Nossa garota era meio mulher, meio criança, o que não faria muita diferença.

E essa sou eu, concluindo a árdua missão de me descrever... Meio menina, meio mulher!




2 comentários

  1. Olá,vim visitar seu Blog,super amei e já estou super curtindo a fanpage,parabéns por seu cantinho.

    Gostaria de te convidar para conhecer meu Blog e se gostar e puder curtir a fanpage também,será muito bem vinda,sinta-se em casa!

    http://emcasademaria.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Olá ,
    estou na disposição de atingir uma meta de 140 seguidores
    até dia 21/12 (Niver do meu blog)
    E peço que siga meu blog , E retriubuirei
    http://musictranslationandmore.blogspot.com.br/
    Obrigado (Gabii M&T)

    ResponderExcluir

Layout por Maryana Sales - Tecnologia Blogger